(45) 99925-5977
Estrada Marechal Cândido Rondon à Margarida | Linha Guarani, s/n ver mapa
Você está em: Página Inicial > Cultura Gaúcha
Cultura Gaúcha

História do Hino Rio-Grandense
História do Hino Rio-Grandense

O Hino Rio-Grandense é o hino oficial da República do Rio Grande do Sul. Tem letra de Francisco Pinto da Fontoura (mais conhecido na época como "Chiquinho da Vovó"), música de Comendador Maestro Joaquim José Mendanha e harmonização de Antônio Corte Real.

A obra original possuía uma estrofe que foi suprimida, além de uma repetição do estribilho, pelo mesmo dispositivo legal que a oficializou como hino do estado - A lei nº 5.213, de 5 de Janeiro de 1966.

Oficialmente existe o registro de três letras diferentes para o hino, desde os tempos da Revolução Farroupilha até aos nossos dias, até que finalmente foi resolvido por uma comissão abalizada qual seria a versão oficial, pouco antes dos festejos do Centenário da Revolução Farroupilha.

 

 

Hino do Rio Grande Do Sul

"Como aurora precursora
Do farol da divindade
Foi o 20 de Setembro
O precursor da liberdade

Mostremos valor constância
Nesta ímpia e injusta guerra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda Terra

De modelo a toda Terra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda Terra

Mas não basta pra ser livre
Ser forte, aguerrido e bravo
Povo que não tem virtude
Acaba por ser escravo

Mostremos valor constância
Nesta ímpia e injusta guerra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda Terra

De modelo a toda Terra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda Terra"

Institucional
Contato
(45) 99925-5977
Estrada Marechal Cândido Rondon à Margarida | Linha Guarani, s/n (500 metros do trevo) | Marechal Cândido Rondon, Paraná | CEP: 85960-000
Redes Sociais
Tecnologia e desenvolvimento